A Agência Reguladora Multissectorial da Economia-ARME acaba de publicar o Relatório de Indicadores Estatísticos do Mercado das Comunicações Eletrónicas, referentes ao segundo semestre de 2019, reportando a taxa de penetração dos serviços de telefonia móvel e fixa; do serviço de internet e da televisão por assinatura; da evolução de tráfego de voz e de SMS na ótica dos mercados retalhistas.

Assim, de acordo com os dados do documento, pode-se destacar que no final do mês de dezembro de 2019, o serviço de telefonia fixa contava com 57.511 assinantes, correspondendo a uma taxa de penetração de 10 acessos por 100 habitantes, o que traduz um decréscimo de 8% em relação ao período homólogo do ano passado. 

Relativamente ao tráfego de voz, o panorama do mercado de serviço de telefonia fixa, aponta para um volume de tráfego gerado, durante o quarto trimestre de 2019, na ordem dos 9,6 milhões de minutos na rede fixa, correspondendo a um decréscimo de 45% no total do tráfego de voz comparado com o quarto trimestre do ano 2018.

Já em relação aos serviços de redes móveis, o relatório refere que o número total de cartões SIM ativos no mercado móvel em Cabo Verde, em dezembro de 2019 foi de 595.681, o que representa um decréscimo de 2 ponto percentual em relação ao período homólogo do ano passado. A taxa de penetração neste período foi de 108 por cento. 

Comparativamente ao quarto trimestre 2018, o tráfego total gerado no quarto trimestre de 2019 na rede móvel apresentou uma diminuição de 7%, rondando assim os 256 milhões de minutos.

No que concerne o serviço de acesso à internet, registaram-se 438.645 assinaturas no segundo semestre de 2019, dos quais 89% utilizaram efetivamente o serviço pela tecnologia Banda Larga Móvel (small screen), fixando a taxa de penetração ao serviço de internet, em 80 acessos por 100 habitantes. 

Deste modo, o número de assinaturas do Serviço de Acesso à Internet aumentou 16 por cento no quarto trimestre de 2019, quando comparado ao período homólogo do ano passado.  

 

A Agência Reguladora Multissetorial da Economia atualiza os novos preços máximos dos combustíveis, a vigorarem a partir das 00 horas do dia 1 de abril de 2020, ao abrigo do disposto na legislação em vigor e no Decreto-Lei n.º 19/2009 de 22 de Julho, que define os princípios orientadores e a fórmula de cálculo dos preços máximos de venda ao consumidor final.

Considerando  a calamidade pública declarada pelo Governo, em virtude da disseminação pelo mundo do novo Coronavírus (COVID-19), o que, de resto, já motivou, igualmente, o Presidente da República a declarar o Estado de Emergência do país, que entrou em vigor desde as 00h00 do dia 29 deste mês, cumpre a Agência Reguladora Multissetorial da Economia (ARME) informar aos interessados e o público em geral que fica suspenso, a partir desta data, o Concurso Limitado por Prévia Qualificação nº 01/2020, datada de 19 de fevereiro.

Newsletter

Inscreva-se no nosso newsletter e receba as nossas actualizações.
Please wait